[ 5 DICAS ] Mulheres fortes, Educação financeira, Fresno, hambúrguer vegetariano, tatuagens

Esse é o segundo post dessa nova "coluna". Tentei trazer coisas que eu realmente gostaria de compartilhar com o mundo e espero que vocês gostem. Tem dica de livro, canal de YouTube, álbum, hambúrguer vegetariano e também de perfil de instagram.

Se você chegou agora e não sabe o que é essa coluna? Aqui eu dou 5 dicas que deveriam ser relacionadas aos 5 sentidos, porém foram adaptadas para que eu não tivesse que ficar inventando dica, ok? Quer ler o primeiro post? Clica aqui.

Agora vamos às dicas de hoje:


Sinopse: Inspirado em personagens reais da Segunda Guerra Mundial, um romance encantador sobre coragem, escolhas e redenção. Até onde você iria para honrar a vida daqueles que foram esquecidos?
A socialite nova-iorquina Caroline Ferriday está sobrecarregada de trabalho no Consulado da França, em função da iminência da guerra. O ano é 1939 e o Exército de Hitler acaba de invadir a Polônia, onde Kasia Kuzmerick vai deixando para trás a tranquilidade da infância conforme se envolve cada vez mais com o movimento de resistência de seu país. Distante das duas, a ambiciosa Herta Oberheuser tem a oportunidade de se libertar de uma vida desoladora e abraçar o sonho de se tornar médica cirurgiã, a serviço da Alemanha.
Três mulheres cujas trajetórias se cruzam quando o impensável acontece: Kasia é capturada e levada para o campo de concentração feminino de Ravensbrück, onde Herta agora exerce sua controversa medicina. Uma história que atravessa continentes - dos Estados Unidos à França, da Alemanha à Polônia - enquanto Caroline e Kasia persistem no sonho de tornar o mundo um lugar melhor.
Costurado por fatos históricos e personagens femininas poderosas, Mulheres sem nome é um romance extraordinário sobre a luta anônima por amor e liberdade. Um livro inspirador, que encanta e comove até a última página.

Li esse livro no ano passado, eu acho. Mas ele é incrível, fala de mulheres fortes que mesmo na adversidade conseguem encontrar força para sobreviver, independente de qual seja o seu desafio, vale lembrar aqui do contexto onde se passa a história, a Segunda Guerra Mundial. Não fiz resenha sobre ele, mas acredito que ele vale sim a leitura. A narrativa da autora intercala trechos da história de cada uma das três mulheres da história, porém aos poucos essas histórias acabam se entrelaçando.

Foto: Twitter @nathfinancas

Descobri esse canal muito por acaso. Eu sou meio incomodada com canais de finanças porque acho que na maioria deles, o conteúdo passado não condiz com a realidade da maioria das pessoas. A Nath ajuda com educação financeira básica, pra você não perder o controle e se endividar. Ela tem 21 anos, é estudante de administração e criou esse canal para ajudar as pessoas de baixa renda com educação financeira, já que o assunto não é ensinado nas escolas. Usando uma linguagem acessível e tendo como público alvo trabalhadores que ganham 1 salário mínimo, estudantes, pessoas desempregadas, estagiários, entre outras pessoas que precisem desse conteúdo, a Nath tem como objetivo do canal que seus inscritos saiam do vermelho adquirindo conhecimento sobre como utilizar o seu dinheiro, investir e também ganhar dinheiro. Ela também posta dicas no seu perfil do twitter.

Sem contar que ela é uma querida!

Esse ano tenho tentado administrar meu dinheiro enquanto pago uma reforma e planejo uma viagem cara. Sempre tive um bom controle da grana, mas finalmente entendi que preciso fazer um controle melhor de pra onde vai meu dinheiro. então tenho aprendido bastante com esse canal e logo vou começar a de fato colocar tudo em prática.

Foto: Divulgação / Instagram @fresnorock

A Fresno foi minha banda preferida durante muito tempo, depois fiquei um tempão sem ouvir e recentemente a banda vem lançando seus novos trabalhos e esse álbum, lançado recentemente me pegou. Suas canções falam sobre os desafios da vida adulta, sobre inseguranças, superação, entre outros assuntos. Além disso há uma diversidade de estilos em suas faixas que o torna bem interessante.  Para mim que sou uma fã antiga, o álbum veio com um presente, pois além da experimentação de novos estilos, o que já vem sendo feito nos últimos álbum, temos algumas faixas com aquela pegada emo de quando eu conheci a banda.

Foto: Divulgação Burger King

Pão integral, um delicioso e suculento empanado super crocante, feito de batata e champignon, recheado com shimeji, shitake e muito queijo! Todos esses ingredientes são cuidadosamente armazenados e preparados para você se deliciar com um sanduíche fresquinho e de alta qualidade. Imagem meramente ilustrativa.
Eu primeiro preciso avisar que não é um lanche vegano, uma vez que vai queijo e não encontrei nenhuma informação que diga que ele não é de origem animal, além do pão, claro. Porém, ainda assim, se você apenas não consome carne animal ou quer experimentar algo novo eu devo dizer que o sabor desse hambúrguer é incrível. Sem contar que como é um lanche que não deve sair muito, ele precisa ser preparado na hora quem você pede, então mesmo demorando um pouquinho mais para seu pedido chegar, quando ele vem, vem bem quente e considerando a quantidade de queijo no lanche, isso é ótimo!

Eu não sou vegetariana, porém gosto de experimentar opções sem carne quando possível e esse lanche foi um achado.

O Alexandre é meu irmão e meu tatuador também, posso dizer assim. Não é porque é meu irmão, mas o trabalho dele é impecável. O Ale desenha muito bem e cria tatuagens únicas e tão personalizadas que não tem como não admirar. Hoje em dia, além da tatuagem ele também se aventura na pintura à óleo, inclusive fez uma exposição esse ano.

No seu perfil do instagram ele posta seus trabalhos e também divide algumas etapas do seu processo criativo. Vale a pena conhecer e seguir!




As dicas de hoje foram essas, vocês conhecem algum dos indicados? Querem me indicar alguma coisa? Comenta ai pra gente conversar um pouco mais!

Comentários

  1. Oi Aline!

    Adorei as dicas, especialmente do lanche quase vegano que parece delicioso. Quando a Nath do Canal de finanças eu não conhecia, concordo que é muito importante a educação financeira desde cedo.
    Incrível o trabalho do seu irmão :)

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. Adorei a dica da Nath. Tenho essa mesma sensação que você, que os canais de finanças não são direcionados para gente como a gente, mas para pessoas que já ganham bem ou tem dinheiro para investir. Gostei muito da ideia de fazer um canal direcionado para pessoas que ganham um salário ou até estão desempregadas. Vou conferir, certeza.
    Achei super interessante o livro, deve ter uma grande carga emocional.
    Beeijo!!

    Grazy Carneiro
    Meus Antídotos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Você pode comentar mesmo sem possuir conta no Google, alterando para a melhor opção no menu "Comentar como:". Caso não possua uma conta à qual vincular, selecione a opção Nome/URL e deixe a URL em branco, comentando apenas com seu nome.

Use o bom senso para comentar, pois não serão aprovados comentários contendo mensagens agressivas, de baixo calão ou preconceituosas. Vamos manter uma blogosfera agradável.

Deixe o endereço do seu blog para que eu possa conhecer também!